segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

CRISTAIS DE BACCARAT

   Com a permissão do rei Luis XV, o bispo de Metz, monsenhor Louis De Montmorency-Laval, funda em 1764 a companhia de cristais Baccarat, na província de Lorraine, à leste da França. Estavam implantadas as raízes daquela que viria a ser uma das mais conceituadas cristalerias do mundo.


   O primeiro cristal fabricado data de 15 de novembro de 1816. Foi transformada em primeira cristalerias da França em 1817. Desde então, a marca é sinônimo universal de lapidação precisa, manufatura delicada em objetos únicos e nas formas mais variadas. Vasos, cinzeiros, lustres, espelhos, candelabros e acessórios femininos. De reis a plebeus abastados, Baccarat é status e opulência, charme e sofisticação real. A fábrica sobreviveu às guerras e revoluções, sempre produzindo copos, garrafas, baldes (muitos encomendados com monogramas), seus tradicionais lustres em cascata, abajures, jóias, bijuterias, frascos de perfumes, esculturas, maçanetas, entre outros. As peças são lapidadas à mão como pedras preciosas, em processo artesanal com caprichos e requintes.




   Algumas curiosidades é que :

• No começo do século XX, a Baccarat produziu frascos de cristal lapidado para perfumistas como Guerlain, D'Orsay, Chanel, Dior e Jean Patou, entre outros.

• O Brasil possui o terceiro maior acervo de cristais Baccarat do mundo, só perdendo para a França e para a Alemanha.

Site oficial : http://www.baccarat.com/intro.htm

Nenhum comentário: